“90% Das Pequenas Empresas Quebram Em Seus Três Primeiros Anos De Vida”

Tem trinta e sete anos e é empresário desde os dezoito anos. Seus negócios se desenvolvem em volta da Internet e das Novas Tecnologias, mas assim como é um investidor privado no setor da Biotecnologia e dos Meios de Comunicação. Sem sombra de dúvida, Alejandro Suárez Sánchez-Ocaña é empreendedor de nascimento. O último estudo praticado pelo Entretenimento, e em que você trabalha, revela que cerca de 62,3% dos catalães optar por fazer tua própria empresa, entretanto só o 27,6% saberia como fazê-lo sem ajuda externa. O certo é que isso não ocorre apenas pela Catalunha.

São detalhes muito parelhos com os do resto da Espanha. E é que, em geral, há um defeito de dado muito grave. A administração não se comunica bem com os cidadãos. Tudo o que não está por trás de uma grande campanha de publicidade, não chega à população. Por que essa desinformação?

Há poucos anos não existia um interesse por incentivar a criação de novas corporações. Agora, parece que querem fomentarlo com muita rapidez, sem pensar na sobrevivência da corporação. Desde as instituições públicas querem levar o espírito empreendedor a comunidade, entretanto há uma falta de cultura empreendedora em nosso povo. A gente não se atreve a montar o teu próprio negócio.

Não existe um padrão a acompanhar. Não há imensas gerações de empreendedores como modelo, gerações que lhes tenha ido bem. É coerente que o detalhe genérica de como criar uma empresa não chegue a todo o mundo. Mas o que não tem perdão é que não informe os desempregados que existem outras opções e também ir cobrar o cheque do desemprego cada mês.

Mas esse não é o único exemplo. O balcão único nasceu pra desenvolver corporações. É um sistema amigável, quase prontamente, e menos oneroso. Podes livrar-te de deslocar-se à venda, o registro… permite que você realize os procedimentos na Internet. A maioria dos empreendedores o inexplorado e continua montando empresas à moda antiga.

, E tendo em conta que Portugal é um dos países da OCDE onde mais se leva em criar uma corporação (46 dias, frente aos 13 dias pro resto dos países europeus que absorvem a OCDE). Este sistema de balcão único nos podes economizar muito tempo. O serviço existe e funciona, mas ninguém o conhece. Apenas 0,2% de empreendedores utilizado.

Qual o tipo de regulamentos teria que modificar pra que se generaran mais empresas? Não é um defeito de legislação. Um dos defeitos dos empreendedores, precisamente, são as normas, as leis e as travas. E, claro, o financiamento e a publicidade institucional, que não funciona. Não há um estímulo real, desde a administração pra gerar negócios.

Agora tentam visto que se deram conta de que é necessário. Mas o que não pode ser é de repente conjurar a o mundo todo pra que seja empreendedor. Qual é o perfil atual de um empreendedor? Em geral, em Portugal, de imediato mesmo, a maioria são homens com uma média de 44 anos.

  • Oferece consultoria
  • Criação de campanhas
  • 1 (9/03/05)
  • Marge: O Que estaria idealizando bart lá de cima? -Homer: o Tráfico de drogas
  • SANTO EXPEDITO É UM MENTIROSO …. e outros contos. (2005)
  • Iniciar com dois ou 3 máquinas de lavar roupa (se conseguem ser que sejam industriais, as grandes)

o que qualidades necessita ter? Uma muito interessante é a capacidade de sofrimento. Passará por diversas problemas para construir a tua empresa. Pegas que não têm nenhum significado e que realizam com que muita gente no desemprego fica em moradia a ganhar o auxílio de desemprego e não monte seu respectivo negócio.

Qual o tipo de obstáculos? Sobre tudo administrativas. Quando você quer estabelecer um negócio, os bancos não dão crédito. Te pedem garantias, propriedades, etc., Para os bancos são operações financeiras. Não valorizam a empresa. É como se você comprou um ágil de luxo, ao invés fazer um negócio que vai gerar riqueza e trabalho futuro. É Portanto que é tão custoso pra que os adolescentes possam ter espaço. O que auxílios ou que caminhos são as excelentes? A auxílio mais específica é a que dá o Instituto de Crédito Oficial na sua linha icodirecto para promover o desenvolvimento dos empreendedores.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima