“As Startups Injetam Inovação E Dinamismo No Ecossistema De Negócios”

— eu gosto de demolir mitos e é a isso que me dedico no Twitter. Este estudo foi produzido em razão de não havia nenhum mapa de aceleradoras da Europa e precisávamos acompanhar qual era a circunstância para fazer o programa Talentum Startups. De fato, antes de explorar o meio ambiente europeu fizemos o mesmo pela Espanha. Talentum é um programa de inovação aberta e implica trabalhar com uma quantidade de aceleradores em Valência, Palma, Lisboa, Bilbao, Málaga… E a primeira surpresa que encontramos foi que havia muitas iniciativas de empreendedorismo em Portugal. Dado que nunca tinha feito um mapa desse tipo, não se sabia qual era a ocorrência.

Desde desta forma, esses dados implicam a destruição de um mito em Portugal. —Sim. Mas dito isto, há que alegar que algumas dessas entidades são muito frágeis. Há de tudo. Temos contado as iniciativas que existem, contudo não fizemos uma análise crítica dessas. Efetivamente, são muito desiguais nos modelos de negócio, em que se fornece ao empreendedor, etc

Além do mais, significa uma oportunidade para fazer mais. Desta forma promoví o programa Talentum. No caso da Europa, ocorre algo idêntico. —Quais são hoje os grandes desafios para a Europa em empreendedorismo? Quais são tuas recomendações? Em suma, precisamos pensar em como fortificar mais esse ecossistema. JS.- O equivalente por aqui é a Inditex, uma empresa, por correto espanhola, que nasceu como startup e completamente inovadora. Na verdade, a Inditex não é muito distinto como por exemplo da Amazon por todo o tecido logístico que tem.

A dificuldade é que só há uma desse modo em toda a Europa. —Por outro lado, é estimulado que no caso de Portugal, um povo que adota rapidamente da tecnologia, ao menos no âmbito do consumo, sofre tanta inexistência de investidores nesse tipo de organizações. —O defeito é que não há grandes investidores âncora, que inyecten vários milhões em um fundo, para que este levante vários mais. Em Portugal, quando uma empresa deve rodadas grandes de financiamento deve sair fora.

  • Redação pra uma ONG. Escrevendo as cartas de solicitação de auxílios e subvenções
  • Jogos: Avanço de Pikmin 3
  • dez King Bradley
  • seis – Tradutor ou intérprete

E assim como ausência de capital nas fases iniciais. “Em Portugal, quando uma corporação deve rodadas grandes de financiamento precisa sair fora. E assim como inexistência de capital nas fases iniciais. —Precisamente pra melhorar o meio ambiente empreendedor nacional entrou em vigor recentemente a Lei de Apoio aos Empreendedores e a tua Internacionalização. O que comentário lhe merece esta?

—Acho que está agradável, é um passo à frente, a despeito de tenha demorado muito… podia ter saído antes. Por outro lado, a lei está muito quente, você tem de muito mais. É verdade que tem dado mais tópico no empreendedorismo e pela resolução de alguns problemas que existem e isto é bom, porém não é definitivamente radical. Portugal deve de alguma coisa mais ambicioso, se ele quer ser inserido no mapa mundial de empreendedorismo. Há que agir de modo muito mais abrupta, como o estão fazendo os vizinhos que, por outro lado, estão bem mais avançados. —O que mudaria em concreto?

—Por modelo, as deduções fiscais que foram incluídas pros business angels, as pessoas que investem em organizações novas ou de recente fabricação, são muito baixas. Estabelecer uma startup envolve valores muito elevados e há que ser mais bravo nesse aspecto. Quanto à charada dos vistos, é bem o que fez a lei de iniciar uma espécie de ‘startup visa’, mas acho que também se podes aplicar aos investidores e a outros coletivos. Também, como a todo o momento, necessita ver muito da letra pequena. Se você der um visto, o

quer dizer, você tem o visto, todavia… E isso não é só em face dos empreendedores, contudo também para que as grandes companhias se assentem na sede europeia. É preciso empreender ações mais disruptivas. Por exemplo, no Chile, tem promovido um programa chamado Startup Chile que tem se posicionado o país no âmbito do empreendimento, no momento em que há 5 anos ninguém pensava em este nesses termos.

trata-Se de um programa muito radical e tem coisas positivas e negativas, mas no término conseguiu que, tais como, um californiano que esteja consciente de que está acontecendo alguma coisa no Chile em matéria de empreendedorismo. É claro que não tem a mesma intuição com a Espanha em típico e pela Europa em geral.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima