César Millán, O Psicólogo Dos Cães De Beverly Hills

Antes de ser uma estrela, viveu tua própria vida de cães. Nasceu em 1969, em uma noite em que um furacão arrancou o teto de tua moradia. Cresceu em uma fazenda de Sinaloa (México) dentro de uma casa de adobe, cruzou a divisa perseguido na Polícia, ele se arrastou pelas ruas de Estados unidos, sofreu com o racismo, a miséria e os trabalhos pra escravos.

Se sobrepôs e ganhou pela existência. Agora, Cesar Millan -chaparro, dentes brancos, olhos grandes e assistir direto e amigável-, revolucionou o universo dos animais pela tv com um ‘show’ e um império canino cerca de tua marca. Em 105 países do universo de imediato sabem de tua maneira de falar uma palavra aos cães, como tocarles no pescoço pra prejudicar os usuários e como subordinar a uma estação de 4 patas. Em Portugal espera-se aproximado clube de fãs que conseguiu preencher duas vezes o Palácio de Congressos de Madrid com o seu show pela semana passada.

Agora, prepara um novo programa com a produtora cultural Vértice360 (‘O Formigueiro’) que se chamará ‘O líder da matilha’. Na sua maneira decidida, direta e ao mesmo tempo humilde, que tem de se mover, de sorrir e espiar nos olhos, é um líder nato. Sabem os humanos, todavia antes que o sabiam em razão de os cães. A Sua, a denominação completa do repórter não reconhece os conhecidos na via, mas, no decorrer da entrevista, disputa deitada debaixo da mesa, para arrastar-se centímetro a centímetro até colocar teu rosto a respeito do sapato do mestre.

‘ de Millán, que tudo ‘espécie’ usa para domar suas feras. O que você entendeu com eles? Sinceridade, autenticidade, percepção, honestidade, humildade, lealdade, respeito, esperança e autoconhecimento. O cão te conhece melhor que qualquer um, melhor do que tu mesmo. Há muita gente que anda na existência sem saber que a energia projetada ao universo.

O cão percebe perfeitamente. Também me ensinaram a esquecer. O esquecem mais do que os humanos? O cão a todo o momento esquece-se o fizeste mal. Não sabe o que é o carinho incondicional, e o cão si. Esse amor a todo o gasto é a demonstração da vivência de Deus para os que não crêem nele. O cão é um embaixador de Deus. Millán não ensina a se comportar os cães.

Os reabilita, e a quem treina é para os humanos. Ocorreu-lhe uma tarde, no momento em que passeava imensos animais na Califórnia e entrou na primeira vez numa das casas dos proprietários “pra olhar como se vivia nos Estados unidos. Liguei para a porta e abriu uma fresta, acho que é pelo motivo de pensavam ‘este mexicano vem para usurpar””.

Dentro, ouviu um sapateado de pés e latidos e ao observar pela janela, ele se deu conta de que três humanos entablaban uma briga mortal contra um cão anão. Ele foi reduzido e, no fim de contas, conseguiu entrar pela casa. “Suéltenlo”, gritou. A ordem atravessou as paredes e chegou ao interior da casa.

O bicho-se-lhe vinho “voando pequeno” e no momento em que todos se sentaram em redor da mesa do chá, o animal estava deitada de barriga pra cima no sofá. “Nesse instante, dei-me conta de que não tinha que treinar cães, porém as pessoas.” Quando chegou aos EUA, encontrou-se um mundo que não sabia que existia.

  • = Boiadeiros
  • Sercotel Spa e Wellness
  • 1 História da geração 1.Um Criação e desenvolvimento
  • um Antecedentes e possibilidade
  • 9 Mania aguda

Os donos, imobilizando as correias da cintura e agarraban os troncos pra impossibilitar que lhes arrastasse um pomerânia do tamanho de um sapato. “Eu andava com o meu rebanho para trás, sem amarrar e não sabia que aquilo era ilegal”. Assim o fazia no ranchinho de Sinaloa, em sua existência anterior. Pestilento em teu povo, aos 21 decidiu voar.

“Eu irei pro norte”. E ‘brincó’ a fronteira com os cem dólares que juntou a teu pai. Perseguido na Polícia, nos EUA, viveu o inferno de costas molhadas: pouco dinheiro e muito racismo. Após vagar pelas ruas comendo ‘hot dogs’ a 60 centavos, conseguiu um emprego pentear cães.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima