Forocoches, O Reino Dos Trolls

em vinte e um de março deste ano, um dançarino heterodoxo, Antonio Tekila, ganhava contra suspeita, e por votação popular, a encerramento do programa Got talent Brasil da Telecinco. No dia seguinte, a Mediaset, negava em um comunicado qualquer tipo de manipulação das votações. Mas tendo em conta os antecedentes, não era a primeira vez que os participantes de Forocoches se conjuraban para estourar uma votação, uma de tuas ações preferenciais.

Forocoches é uma das quarenta páginas de web mais vista em Portugal. De acordo com Semelhante Web, por ela transitam 16,7 milhões de usuários únicos mensais. Para participar você necessita estar registrado, e calcula-se que tem por volta de 700.000 participantes, dos quais menos da metade são realmente ativos. São diversos, entretanto de acordo com Micó “na internet hoje isso serve de pouco. Também há muita gente que compra na Amazon. O que tem valor é aspirar pertencer a uma comunidade”. E os shurmanos -como se autodenominan – sentem que pertencem a algo. Portanto, desde 2009, há que ganhar um convite pra poder se cadastrar.

Os convites estão nas mãos de Alexandre Marin, teu criador, ou dos membros mais veteranos do web site. Também se conseguem adquirir em troca de registros em sites de apostas desportivas, ou em “promoções” nas mídias sociais. São tão cobiçadas que os portadores de alguma dessas convites as vendem pela internet. Precisamente, esta fórmula de acesso restrito “é a chave pra gerar o compromisso e o sentimento identitário da comunidade.

É o mesmo que realizam certos clubes elitistas”, explica o professor de sociologia da UOC Francesc Núñez. Neste sentido, tem-se afirmado que Forocoches é um reduto pro machismo, o nacionalismo mais casposo, a xenofobia e o racismo. E de tudo isso existe, e muito.

Mas não é direito que não se permita a entrada pras mulheres. Embora seus membros são maioritariamente homens, também há mulheres. Também não é verdade que seus membros só se dedicarem a revelar piadas e a rebentar sistemas de participação on-line. Cada um que se expõe a ser trolleado.

  1. Orlandoejimenez (discussão) 03:Cinquenta e seis 12 jun 2017 (UTC)
  2. Wenger: “Estávamos interessados em Higuaín”
  3. Aumentar a quota de mercado
  4. Linha horizontal
  5. Interações do tweet
  6. trinta e cinco horas. Outros 5 indicados ao prêmio Bola de Ouro
  7. 1987: Incognito
  8. 28 a 30 de março

É como um jogo, no pátio do colégio. Se não, que o digam a Electrik, pseudônimo de Alexandre Moreira, que um dia postou uma foto de sua esposa, com a qual os foreiros fizeram diversas chop (Photoshop). Mas em Forocoches bem como existe espaço para o consultório sentimental, pra consultas primordiais e pra obter respostas úteis e sinceras.

Mesmo pra compaixão. São os casos de Lokis, ErPupas ou Dores Anais, que narraron suas operações ou tratamentos de quimioterapia e receberam o apoio de seus companheiros. Lokis morreu e os foreiros conseguiram fazer com que Marin tenha um crepe negro em sinal de luto. Até abriram uma coleta, para que apenas foram necessárias várias horas, afim de comprar uma coroa de flores.

Quinze de março de 2003. Alexandre Moreira -alias Electrik-, um regional de viseu, construído o fórum. O intuito de Marin era desenvolver um fórum dedicado aos carros e ao motor em geral, visto que tinha comprado um carro e queria saber a opinião de outras pessoas. Mas logo as coisas começaram a modificar. 12 de dezembro de 2005. Primeira trolleada em massa para os fóruns da revista Menina.

A falsa Lidya, troll de Dani350z, e sua “Masturbação com caneta” torna-se um mito na web. 25 de junho de 2006. Primeira aparição pela televisão, de uma ação de Forocoches. Com a implantação da carteira por pontos um thiago silva abriu uma linha que causou extenso repercussão em todos os meios e televisões nacionais: “Vendo os pontos do cartão da minha avó”.

Três de agosto de 2009. Trolleada pra revista FHM, onde os usuários votaram maciçamente Curri Valenzuela como a apresentadora mais “sexy e mórbida” de entre todas as que apresentava a revista. 18 de janeiro de 2010. Os usuários de Forocoches se conjuran para alcançar que John Cobra ser o representante da ESPANHA no festival Eurovisão da canção.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima