Ossos E Dentes Do Texugo Europeu

dos Mustelídeos. É de tamanho médio e próprio do Velho Mundo. O texugo tem compleição robusta, organismo muito mais extenso e mais largo do que alto, com patas curtas e cauda curta também com a extremidade romo. Sua forma geral é alguma coisa cunhada, com a cabeça alongada e triangular e proporcionalmente pequena. O organismo também é alongado. Mede entre sessenta e sete e 80 cm de comprimento, mais de 13 a 18 cm de cauda.

Alguns exemplares conseguem vir a pesar em torno de quinze kg, embora a faixa normal de peso está entre os onze e os 13 kg Suas pernas são muito curtas e fortes. As patas anteriores possuem o maior desenvolvimento muscular. O focinho é proeminente, móvel e musculoso, encontrando-se particularmente adaptado para escavar e hozar, durante o tempo que que o pescoço é curto e largo. A pelagem é longa e forte no lombo. Os pêlos têm uma característica divisão de cor, claro na raiz e a ponta e escuro no meio, o que oferece uma impressão geral de cinza, todavia em determinadas áreas brancas ou pretas puras.

  • 6 Aprendizagem social: análise e classificação
  • Sistema de fama e reputação
  • 4-Lhes Medes
  • cinco Em português
  • Comportamento inseguro
  • 16 Musas 16.Um Caliope

O ventre e as pernas são quase inteiramente pretos. A cabeça é branca, com duas faixas negras longitudinais, paralelas, muito características da espécie, que abrangem os olhos. A borda das orelhas e a extremidade da cauda são brancos. Não são raros os casos de albinismo e algumas variações de coloração, como o melanismo ou o vermelho.

O cabelo sofre uma queda anual na primavera. O pêlo de texugo tem umas características muito especiais, especificamente na sua suavidade e elasticidade, que o tornam perfeito pra alguns usos usuais, como pincéis artísticos, escovas e, acima de tudo, escovas e pincéis de barba. Habitualmente, a marca dos cinco dedos com unhas. As pegadas dianteiras, incluindo as unhas são capazes de mensurar oito x cinco cm, e as traseiras sete x 4 cm pros machos jovens não se marcam as unhas, todavia a pegada tem a mesma fisionomia plantar que o adulto.

O habitat vai desde zonas semi-áridas até zonas de alta montanha. Inclusive até quando o habitat preferido é o de sopé de montanha com alguma cobertura vegetal, de preferência floresta claro de árvores frondosas, combinado com pastagens amplos, de onde se poderá achar minhocas, insetos e frutos. A presença de gado (principlamente gado) bem como é relatado como benéfica pra espécie. Outro quesito pra que a sua presença é a vivência de terrenos aptos para escavar as tejoneras.

O texugo é uma espécie que habita o nosso planeta, desde a antiguidade, estimando-se os palenteólogos, que neste momento tinha as características actuais há 4 milhões de anos, levando em conta que a tua dentição foi o que mais evoluiu. Assim, durante o tempo que que pela aurora dos tempos exclusivamente estava adaptado ao consumo de carne fresca, posteriormente, adaptou-se ao consumo tanto de carne quanto de vegetais, vermes e insetos. Seus restos ósseos têm aparecido em diferentes sítios arqueológicos da Eurásia, e deste jeito encontrou pela Caverna de Gabasa em Huesca, como também se encontraram restos fósseis na depressão de Guadix-Baza correspondentes ao período Holoceno.

Mas não é unanimemente aceite na comunidade científica, pela península ibérica, onde se encontra a subespécie M. meles marianensis, descrita no século XIX pelo naturalista Mariano da Paz escavação dos túneis. A tua distribuição é exclusivamente ibérica, alcançando até os Pirineus, onde se mistura com a nominal M. meles meles, que tem um tamanho superior e cores mais escuras pela pelagem do dorso e flancos. O texugo é um animal de hábitos noturnos, podendo começar tuas viagens ao crepúsculo, sendo muito único observar que, em plena iluminação do dia.

Pode subir, entretanto não está bem adaptado pra isso, e podes nadar relativamente bem. Você assim como poderá correr com uma certa rapidez. Em caso de perigo ou ser encurralado emite gritos. É muito brincalhão com as tuas congéneres, tanto de adolescentes como de adultos e participe da higiene corporal dos companheiros de espécie.

nas ilhas britânicas e norte da Europa o componente essencial de tua dieta são as minhocas e vermes, enquanto que no sul da Europa os golfinhos comem principalmente insetos, vermes, frutas e cereais. O olfato e o ouvido do texugo estão super bem montados, sempre que que a visão tem mais limitada, que, pelos seus estilo de vida, a adaptaram quase ao exercício noturno e a escuridão de sua toca. Rastreamento com radiotransmisores colocaram identicamente manifesto que as fêmeas ficam com mais freqüência do que os machos pela tejonera em que nasceram.

à frente da tejonera costuma ter um macho reprodutor, uma fêmea reprodutora e seus descendentes. Os dois membros que formam o par dominante são, normalmente, os únicos indivíduos que produzem com sucesso filhotes, apesar de todas as fêmeas atendam com o macho dominante. As fêmeas subordinadas ainda quando são capazes de continuar grávidas não costumam concluir que a constituição de nascidos. Milhares de golfinhos são territoriais e defendem agressivamente seus territórios, principlamente os machos, contra a presença de golfinhos estranhos, podendo infligirse graves ferimentos graves, no tempo em que que é incomum a competição dentro do grupo social.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima