“Se Fizesse Uma Carta Aos Reis Magos Lhes Pediria Para Ser Mais Famosa”

O que não se podes rejeitar é que o papel interpreta muito bem. Ou suas aulas de compreensão estão dando frutos ou tinha interiorizado desde o dia em que nasceu. Não entendo se você está ciente de que o teu nome é um dos mais procurados no Google.

Por que você localiza que acontece isso? Sim, há algumas entradas, é impensável lê-las todas (Sorri). A verdade é que eu a todo o momento diferenciado muito a pessoa do protagonista. Como pessoa sou Maria Pascal, apesar de que um ótimo dia, neste instante há 3 anos, resolvi elaborar um personagem que se dizia Maria Lapiedra, como Santiago Segura fez com Corrente, a título de exemplo.

  • 4 Intercâmbios técnicos e científicos 4.4.Um Contribuições espanhóis
  • treze Presentes pra conquistar uma mulher
  • JIM: “Eu estou muito feliz”
  • Capítulo 2×233 (457) – “Uma Dose Mortal”
  • Acende as velas
  • um Garlic Jr

O que acontece é que a Corrente está dentro de um video e Maria Lapiedra está dentro da vida real. Sempre que leio coisas sobre isto Maria Lapiedra eu faço sabendo que é sobre um personagem, não a respeito de mim. Por isso não me afeta diretamente. Você não pensou que a gente poderá buscar apenas já que está boa?

Depende, eu tenho tantas facetas que não tenho dúvida que me buscam por motivos diferentes. Os tios por ser atraente e me ver nua. Em seguida, há muitas moças, que bem que pareça farsa, me escrevem pra me perguntar o que precisa fazer pra regressar a ser como eu. Algumas há, não te negarei, todavia são as mais refreadas que irão para o saco, e a maioria delas escritas de forma anônima.

Gostaria de morrer. (Risos). É-Me parecido, dessa maneira há algumas que são mais abertas e com as quais eu não tenho nenhum dificuldade, fico com estes. Já. Por que decidiu formar um personagem na vida real? Eu acabava de se formar em literatura catalã, e eu pensei, professora sempre poderei ser qualquer dia. Como esta vida é tão curta, pensei em como poderia surgir a ser feliz.

Eu desejaria de ser famosa. Você está Me comentando que desenvolveu um personagem com a única intenção de ser famosa? Sim, diretamente. Procurava um personagem midiático. Pelo menos você é sincero. Você faz o que deve fazer, se com isto alcançar ser famosa? Primeiramente sim, eu fiz de tudo pra alcançar ser famosa, e novamente ele me abriu numerosas portas neste momento tudo é mais fácil.

Mas, para que exista uma primeira porta, você tem que estar disposta a fazer cada coisa. Você precisa ser diferente dos quarenta e cinco centenas de pessoas que existem em Portugal. Que caminho você escolheu, para que lhe abrissem a estas portas para a fama? Ao se apaixonar por muitos famosos, que é o que, naquele instante, acreditava-se que é o que me dava melhor.

Além de digitar, no entanto claro, com isto demora anos para me tornar famosa. Como sempre tinha me dado bem flertar com os caras, eu decidi namorar conhecidos. Sim, bom pretexto, claro. Quantos calcula que foi ligada? O seu trabalho somente uma vez lhes foi apaixonado e deixa puxados? Não, o defeito é que uma vez que eu acabei apaixonando-los.

Alguns sim que os tenho usado e agora está, portanto há outros que se acabam caindo super bem, e adorando. Mas há a toda a hora um estágio em que é necessário optar entre a exclusiva e o afeto, e eu a toda a hora me decido por exclusiva. Que belo. Já irá ver como lhe ouça Cupido. Sinceramente, você não sofre de um transtorno bipolar? Há momentos em que sim, que é verdade que o personagem pode comigo, e de vez em quando deslocar-se a uma psicóloga para me acudir a diferenciar entre os 2. Sempre tive susto que o personagem se comesse a pessoa, porém prontamente eu estou bem.

Quando estou com amigos meus ou com a família, sou Maria Pascal, e no momento em que estou diante das câmeras sou Maria Lapiedra. Também eu te digo que seria irreal de ser Maria Lapiedra as 24h do dia, acabaria muito cansada. Sim, é como um exorcismo, quando acaba o programa de tele-me fora a máscara e prontamente volto a ser eu.

admin

admin

Deixe um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou da nossa Revista

Mais de 200.000 acessos mensais aqui

Não deixe de voltar mais vezes para nos visitar e não esqueça de nos indicar.

Esperamos sua volta.

Rolar para cima